top of page

Tribunal de Justiça do Estado de Goiás, por litispendência mantem o processo anterior e deverá agendar para os próximos dias audiência com o Elo Social.


O Tribunal de Justiça do Estado de Goiás, por litispendência, decidiu manter o processo anterior da CESB - Confederação do Elo Social Brasil e arquivar o novo processo, determinando assim o agendamento de uma audiência para os próximos dias.


Referida decisão que foi tomada pelo digníssimo Desembargador Presidente foi encaminhada para CESB, atraves do Oficio nº 373/2024 – SEP, despacho espedido nos autos do Processo n° 20240200049000 - Tribunal de Justiça de Goiás.


A audiência terá como pauta o Projeto CSRP - Centro de Socialização, Ressocialização e Profissionalização bem como o alinhamento dos procedimentos junto ao Ministério Publico de Goiás, referentes a ALEGO - Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, que vem insistindo em não atender de forma objetiva as notificações enviadas pelo Ministério Publico de Goiás.


A ALEGO - Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, tem em suas folha de pagamento quase 6.000 (seis mil servidores), 156 (cento e cinquenta e seis) secretarias e ninguém sabe informar onde elas ficam e o Elo Social que é uma instituição especializada em cidadania, vem através do Ministério Publico, tentando sem sucesso a abertura de um procedimento investigatório, no entanto, já estamos estudando a possibilidade de ajuizamento de uma ação cautelar inominada, através da qual, obter uma liminar que carreará ao Ministério Publico as provas que ele não vem conseguindo obter.


75 visualizações0 comentário

Hozzászólások


bottom of page